O que é hempreender e as 5 características essenciais para ter sucesso em um negócio legalizado de cannabis

Hempreender é um termo criado por Fernando Finger Santiago para identificar as pessoas que aceitaram a proposta de atuar no mercado canábico brasileiro. 

A brincadeira com a junção das palavras “hemp” (maconha em inglês) e “empreender” é um apelido divertido para simbolizar a visão e os valores de quem está contribuindo com a criação e profissionalização do mercado. 

Se você quer se tornar um hempreendedor, é preciso ter atitude e observar 5 características essenciais para hempreender e ter sucesso ao comandar de um negócio lícito e lucrativo com cannabis! 

Entenda melhor no artigo abaixo:

Hempreender é questão de atitude!

A atitude necessária para hempreender quer dizer: vontade para fazer acontecer. Definitivamente essa é a primeira condição para que negócios e oportunidades se tornem realidade. 

Quando existe o desejo verdadeiro de gerar a própria renda, é possível identificar e agarrar as chances que surgem. Logo também você aprende a criar circunstâncias favoráveis para fechar parcerias e contratos. 

É simples, porém desafiador, especialmente àqueles que têm grandes aspirações. O hempreendedorismo não aceita pessoas acomodadas e exige o desenvolvimento de uma postura madura, responsável e comprometida. 

Dá uma olhada nesse exemplo muito esclarecedor sobre o que é a atitude empreendedora: 

As 5 características essenciais para hempreender 

Existem muitas habilidades que podem contribuir com o desenvolvimento da visão hempreendedora. Vamos analisar apenas 5 que consideramos fundamentais para um negócio de sucesso:

1 – Interesse real que conduz à ação

De que forma a cannabis e a cultura canábica fazem sentido para você? 

Para alcançar resultados expressivos no longo prazo e superar os desafios de uma rotina exigente (natural do empreendedorismo), é preciso ter algum tipo de inquietação e curiosidade genuína sobre a cannabis. 

Deve ser um interesse real que te motiva e lleva à execução. Esse será um dos principais alimentos durante a sua jornada no mercado canábico.

2 – Habilidade de diálogo e relacionamento

A verdade é que não existem empresas e instituições, estamos sempre falando com pessoas! Então se você quer crescer como hempreendedor, precisa gostar de conversar com pessoas e procurar construir relacionamentos. 

Um hempreendedor habilidoso compreende o poder de uma boa conversa: novas ideias, respostas e soluções para desafios do negócio, novos clientes e grandes parcerias podem ser resultado de um bate-papo, seja em uma reunião ou num encontro mais informal.

Com a troca, você poderá entender melhor quem são os seus clientes, quais as necessidades do usuário e quais problemas você consegue resolver. Através do diálogo você entende os perfis do mercado, além de reforçar o diferencial competitivo e o posicionamento da marca. 

Ter uma boa rede de contatos com certeza é um recurso muito precioso na vida de qualquer hempreendedor. 

3 – Busca contínua por aprendizado (ou lifelong learning)

O hempreendedorismo é algo vivo, especialmente no mercado brasileiro de cannabis, que está em um momento chave de criação de base e referências.

Por isso, quem quer hempreender deve sempre buscar aprendizados. Deve ter consciência da necessidade de educação contínua para que assim possa estar preparado para  mudanças e novidades do mercado. A cada novo software, técnica ou até mesmo nova maneira de se trabalhar, você deve ir atrás dos conhecimentos necessários para se adaptar e estar em constante evolução. 

Mas sem pressão! Não é preciso “aprender-tudo-sobre-todas-as-coisas-agora!”. Para se manter atualizado. A dica é ir buscando e testando pequenas doses de conhecimento em um curto espaço de tempo. Você vai descobrindo para qual seria o melhor o rumo e qual a deve ser a escolha de curso. 

O que queremos dizer é: não espere para aprender. Você precisa se tornar o protagonista da sua carreira e decidir para qual caminho vai seu desenvolvimento. 

hempreender

4 – Capacidade de planejamento

Criar planos e desenhar ideias no papel é a melhor maneira de não perder dinheiro nem tempo. Você evita erros e consegue ter resultados melhores.

Planejamento é o processo de traçar metas e objetivos para o seu negócio canábico, bem como os meios para alcançá-los. Você deve considerar dados sobre o hempreendimento em si e sobre o contexto externo da empresa (qual estado/cidade, como os produtos são percebidos pela comunidade, qual é o padrão de consumo da cidade, etc). 

Com um planejamento bem definido, você pode prever o comportamento do mercado e estar sempre um passo à frente dos imprevistos, identificando as oportunidades e ameaças a serem enfrentadas.

A partir dele, é possível, também, garantir bons resultados para a empresa, se certificar de que ela esteja caminhando na direção certa, acompanhar as tendências e assegurar a harmonia e o bom funcionamento da organização.

Existem quatro tipos de planejamento: estratégico, tático, operacional e financeiro. Se quiser saber os detalhes de cada um, clique aqui para acessar o artigo da 55Lab.

5 – Responsabilidade financeira 

Mais do que gestão financeira, estamos falando sobre a consciência do compromisso e do impacto financeiro de um negócio. 

Não só o hempreendedor sofre quando uma iniciativa não dá certo, mas também colaboradores, clientes e o mercado como um todo. 

Responsabilidade financeira significa cuidado com o que entra e sai do caixa, atenção às dívidas e clareza da tolerância dos riscos que vai assumir para crescer.  

O controle financeiro ajuda muito! É comum que hempreendedores foquem seus esforços na área de planejamento ou operacional e deixem de lado o controle financeiro. Porém, isso abre margem para muitos problemas. 

Controle seu fluxo de caixa, conheça a fundo todos os gastos e ganhos do negócio e procure formas de reduzir custos. Criar metas financeiras também é uma boa dica para avaliar o sucesso do seu negócio a longo prazo. 

Outro ponto relevante é considerar as dimensões econômicas da empresa, como o patrimônio. É preciso observar a renovação do que é necessário em nível de equipamento e ferramentas, investindo para ter bons resultados. 

Também é necessário ter uma maior responsabilidade financeira em relação aos investimentos e orçamentos. Fazer uma análise mais detalhada da situação econômica da empresa é essencial para que ela tenha saúde financeira a longo prazo. Realizar um estudo de viabilidade é uma ótima maneira de começar.

Ainda dentro da questão econômica, está a preocupação com a responsabilidade fiscal. São obrigações que se estendem à gestão de documentos fiscais e ao pagamento dos devidos tributos e declarações à Receita.

hempreender

Como hempreender no Brasil de maneira legalizada

Aqui no blog da Kunk você encontra vários artigos sobre o tema, por exemplo:

Como migrar para o setor de Cannabis no Brasil

Empreendedorismo canábico: 10 passos para começar

Como começar o seu negócio de headshop: 8 dicas para iniciantes 

Mas a nossa principal recomendação é a sua inscrição na Escola de Hempreendedorismo. Lá você terá um apoio mais personalizado para definir o seu negócio de cannabis e criar um plano de ação prático e simples para começar a gerar renda com as suas ideias, aumentando chances de sucesso do negócio! Clique aqui e faça sua inscrição!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *