Cannabis e coronavírus: CBD pode ser aliado no combate ao vírus

Cannabis e coronavírus tem a ver? De acordo com um estudo preliminar feito em Alberta, no Canadá, sim. De acordo com os pesquisadores, as propriedades terapêuticas da cannabis podem ser um caminho promissor a ser considerado no combate à pandemia. 

Saiba mais sobre o que o estudo diz acerca de cannabis e coronavírus e como o tratamento pode ser uma alternativa para pacientes que foram contagiados pelo Covid-19.

Cannabis e coronavírus: o que o estudo diz

“Em busca de estratégias preventivas: novos extratos anti-inflamatórios de cannabis sativa com alto teor de CBD modulam a expressão de ACE2 em tecidos de porta de entrada da COVID-19”, em tradução livre, é um estudo preliminar sobre uma possível ligação entre cannabis e coronavírus, com um possível tratamento alternativo para a doença.  

Realizado em Alberta, no Canadá, esse estudo mostra que o CBD pode ser capaz de diminuir a expressão de uma enzima responsável pelo sucesso da infecção pelo Covid-19, a ACE2. 

Através de gotículas de saliva, espirros, acessos de tosse e contato próximo com superfícies ou pessoas infectadas, a enzima ACE2 é expressa no tecido pulmonar, na mucosa oral e nasal, nos rins, nos testículos e no trato gastrointestinal. Modular os níveis de ACE2 nesses tecidos pode ser uma estratégia possível para diminuir a suscetibilidade à doença. 

legalização da maconha

O CBD é um componente presente na cannabis com potentes efeitos anti-inflamatórios. Já falamos sobre as características e diferenças entre CBD e THC aqui. Acredita-se que o CBD é capaz de modular a expressão de ACE2 nos tecidos que são alvo do Covid-19. 

Mas o estudo vai além: foram identificados 13 extratos de cannabis com alta concentração de CBD que de fato modularam a expressão do gene ACE2 e os níveis de proteína ACE2.  

Cannabis pode ser um aliado contra o vírus?

Com esses dados iniciais podemos dizer que alguns extratos de cannabis podem regular negativamente outra proteína crítica necessária para a entrada do Covid-19 nas células hospedeiras. 

Esse estudo é crucial para abrir portas para mais estudos sobre cannabis e coronavírus. Embora seja necessária uma validação adicional em larga escala, o CBD pode se tornar uma alternativa útil e segura no tratamento do coronavírus como terapia adjuvante. 

É possível desenvolver tratamentos preventivos fáceis de usar, como produtos para lavagem bucal e gargarejo. Com opções que podem ser usadas em clínicas ou no ambiente domiciliar, teremos mais opções de combate ao vírus. 

Cannabis e seu potencial terapêutico

Essa pesquisa sobre cannabis e coronavírus não é a primeira que coloca a cannabis como uma alternativa aos tratamentos médicos. Já falamos aqui sobre como os canabinóides possuem propriedades terapêuticas e podem ser usados como aliados contra diversas doenças. 

O CBD, por exemplo, possui propriedades anticancerígenas, anti convulsivas, antipsicóticas, antiespasmódicas, imunossupressoras e neuroprotetoras. Isso faz dele uma alternativa para tratamentos de pacientes com epilepsia refratária, ansiedade, dores neuropáticas e doenças neurodegenerativas, como esclerose múltipla, o Parkinson e o Alzheimer.

E o THC, ao contrário do que muitos pensam, também possui grande potencial terapêutico. O composto pode tratar anorexia, espasticidade, glaucoma, asma, doenças autoimunes e inflamatórias, além de proporcionar alívio para o estresse e tratar a depressão. 

Ele também pode ser usado para reduzir sintomas, como dores, vômitos e náuseas, sendo usado no tratamento de câncer e AIDS, já que pode atenuar os efeitos adversos da quimioterapia. 

Mercado canábico na América Latina

A cannabis possui um grande potencial para auxiliar tratamentos e salvar a vida de milhares de pessoas ao redor do mundo, mas não é totalmente utilizada por preconceito e falta de investimento em pesquisa. 

No Brasil, é possível conseguir tratamento com medicamentos à base de cannabis, como esse que a pesquisa sobre cannabis e coronavírus aborda. O Dr. Cannabis é uma plataforma que une médicos e pacientes que procuram tratamento canábico. 
Já o CBDoctors é uma clínica especializada no tratamento multidisciplinar  e humanizado de inúmeras patologias, transtornos e quadros clínicos através do uso medicinal da cannabis.

Deixar uma resposta